FAO.org

Home > Region_collector > Américas > FAO in the region > Representante Regional
Escritório Regional da FAO para a América Latina e o Caribe

Representante Regional da FAO
para América Latina e Caribe

Julio A. Berdegué vem trabalhando com temas de desenvolvimento rural, desigualdade, emprego e sistemas agroalimentares há mais de três décadas, onde se destaca como um importante pesquisador, com forte ênfase na promoção do desenvolvimento territorial e luta contra a fome e a pobreza.
Desde abril de 2017 atua como subdiretor-geral da FAO e Representante Regional para América Latina e Caribe.

Noticias

                 IMPRENSA

Biografía Sr. Julio Berdegué

                BIOGRAFIA

Discursos

     PUBLICAÇÕES E LIVROS

Videos

                      FOTOS

 

 

 

 

 

Sobre Julio Berdegué

O Dr. Julio A. Berdegué atua como subdiretor geral da FAO e Representante Regional para América Latina e Caribe desde 22 de abril de 2017. 

De nacionalidade mexicana, Dr. Berdegué tem doutorado em Ciências Sociais pela Universidade de Wageningen, Holanda, e mestrado em Agronomia pela Universidade da Califórnia-Davis, Estados Unidos.

Antes de assumir o cargo na FAO foi pesquisador principal e coordenador do Grupo de trabalho Desenvolvimento com Coesão Territorial do Centro Latino-americano para o Desenvolvimento Rural (RIMISP), onde dirigiu pesquisas, assessoria a governos e programas de desenvolvimento de capacidades centralizados na desigualdade territorial.

Dr Berdegué também trabalhou em diversos aspectos do desenvolvimento rural, incluindo o emprego rural e não agrícola, as mudanças nos mercados de alimentos e os efeitos nos sistemas agroalimentares e o papel das cidades médias e pequenas no desenvolvimento rural.

É autor de vários livros e dezenas de artigos publicados em revistas científicas internacionais, algumas das quais são as mais citadas em âmbito mundial em seus respectivos campos de analises.

Dr Berdegué prestou ainda assessoria a governos nacionais e regionais em diversos países da América Latina, entre eles Colômbia, Chile, Guatemala, México e Peru.

Foi membro do diretório de várias organizações internacionais, como o Centro Internacional de Melhoramento de Milho e Trigo (CIMMYT-CGIAR), organismo do qual foi presidente entre 2008 e 2011, e o Instituto Internacional de Meio Ambiente e Desenvolvimento (IIED).