FAO.org

Home > Country_collector > FAO no Brasil > Notícias > Detail
FAO no Brasil

Brasil se prepara para participar da Conferência Regional para a América Latina e o Caribe

23/02/2018

Brasília, Brasil - Para promover um espaço de diálogo nacional intersetorial com atores estratégicos governamentais e não governamentais, se realizará dia 27 de fevereiro, próxima terça-feira, em Brasília, no Escritório da FAO no Brasil, a reunião preparatória da delegação do Brasil que participará da “35º Conferência Regional da FAO para a América Latina e o Caribe”, que acontecerá de5 a 8 de março, em Montego Bay, Jamaica. 

O diálogo nacional tem o objetivo de informar os parceiros estratégicos sobre os preparativos e os resultados esperados na Conferência, comunicar e consultar os parceiros sobre o Plano de Trabalho da FAO para o biênio 2018-2019 no âmbito regional e nacional e promover um espaço de diálogo entre os diversos atores. 

Participarão do diálogo nacional representantes dos governos das áreas de agricultura, desenvolvimento agrícola, saúde, desenvolvimento social, proteção social, educação, meio ambiente, planejamento, finanças, institutos de terra, setor privado, associações ou organizações da sociedade civil (movimentos sociais, cooperativas, organizações de produtores entre outros). 

Esta 35º Conferência Regional da FAO para a América Latina e o Caribe é um fórum oficial no qual os Ministros da Agricultura e as autoridades dos Estados membros da região estarão reunidos para debater os desafios e questões prioritárias. Estarão presentes 33 países membros da FAO que, este ano, discutirão três temas centrais: erradicar a fome, o excesso de peso e a obesidade; acabar com a pobreza rural; e promover uma agricultura sustentável que seja resiliente às mudanças climáticas. Nesta reunião serão definidas as áreas prioritárias de trabalho para cada biênio. 

A obesidade na pauta

Um dos temas da agenda da Conferência Regional é a obesidade, que se tornou uma epidemia. De acordo com uma estimativa feita pelo Escritório Regional da FAO para América Latina e o Caribe, em 26 países da região, as doenças associadas à obesidade são responsáveis por 300 mil mortes por ano, em comparação com as 166 mil pessoas mortas por assassinatos. 

No Brasil, em 2015, foram registrados 62.818 homicídios, enquanto que 116.976 pessoas morreram devido às doenças causadas pela obesidade. Isso significa 2,44 vezes mais mortes por excesso de peso do que por assassinatos.  

A erradicação da fome segue como um grande desafio regional. São mais de quarenta e dois milhões de pessoas que dormem com fome todas as noites na América Latina e no Caribe. 

Acabar com a pobreza rural

Além do aumento da fome, nos últimos anos o ritmo da redução da pobreza rural caiu na região e, inclusive, foram vistos aumentos em alguns países. Mais de 40% dos habitantes rurais são pobres e mais de 20% não conseguem sequer comprar uma cesta básica de alimentos. A migração é outro tópico que estará no centro das discussões da Conferência. 

Mudanças climáticas e produção de alimentos

As mudanças climáticas que ameaçam a agricultura e os milhões de habitantes rurais vivem em extrema pobreza também é umas das prioridades e estará na agenda de discussões da próxima Conferência Regional da FAO. 

A região da América Latina e Caribe é o principal contribuinte de alimentos no mundo, o que a torna importante para o planeta. Mas a expansão agrícola da região também vem gerando grandes consequências como poluição da água, degradação da terra, desmatamento, monoculturas e emissões de gases de efeito estufa. De acordo com a FAO, a região deve expandir sua produção de alimentos por meio de práticas sustentáveis, adaptando seus sistemas de produção às novas condições climáticas.  

 

   35 ª Conferência Regional da FAO para a América Latina e o Caribe

 

  Quando: 5 a 8 de março de 2018

  Onde: Montego Bay Convention Centre, Rose Hall, Montego Bay, Jamaica

  Quem: Primeiro Ministro de Jamaica, Andrew Holness

             Ministros da Agricultura, Desenvolvimento Social, Educação, Saúde e Meio Ambiente

             Diretor Geral da FAO, José Graziano da Silva

             Representante Regional da FAO, Julio Berdegué

             Secretária da Conferência Regional y Rep. Regional Adjunta FAO, Eve Crowley