FAO.org

Home > FAO in Portugal > Notícias > Detail
FAO in Portugal

Agricultura familiar debatida em Viseu

20/06/2014

Lisboa – A Câmara Municipal de Viseu, em parceria com várias entidades da região, assinala o Ano Internacional da Agricultura Familiar com um Congresso dedicado ao tema, nos dias 20 e 21 de Junho no Instituto Politécnico de Viseu, com o intuito de dinamizar na região um evento de referência para celebrar o Ano Internacional, proporcionando à comunidade dois dias dedicados a esta temática, na presença de diversos especialistas e testemunhos.

A abertura do evento foi realizada por Fernando Sebastião (Presidente do IPV) e Almeida Henriques (Presidente CMV). Foi seguida pelo primeiro painel intitulado Importância socioeconómica e ambiental da Agricultura Familiar, e que contou com uma palestra de Hélder Muteia, Representante da FAO em Lisboa, sobre a temática – Ano Internacional da Agricultura Familiar: importância e objetivos.

“O objetivo do Ano Internacional da Agricultura Familiar é reposicionar a agricultura familiar no centro das políticas agrícolas, ambientais e sociais nas agendas nacionais, identificando lacunas e oportunidades para promover uma mudança rumo a um desenvolvimento mais equitativo e equilibrado”, afirmou Hélder Muteia durante a sua intervenção.

Durante o Congresso foram também abordados temas como a caracterização da agricultura familiar nacional; a agricultura familiar como salvaguarda do território; oportunidades e desafios para a agricultura familiar; economia de proximidade: desenvolvimento regional e local entre outros no decorrer do dia.

A sessão de encerramento foi dirigida por Almeida Henriques (Presidente CMV), José Diogo Albuquerque (Secretário de Estado da Agricultura) e Adelina Martins (Diretora Regional da Agricultura).

Este Congresso resulta de uma parceria entre o Município de Viseu e a Associação de Desenvolvimento do Dão, Lafões e Alto Paiva, a Associação de Criadores de Gado da Beira Alta, a Comissão Vitivinícola Regional do Dão, a FELBA – Promoção das Frutas e Legumes da Beira Alta, o Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas, o Instituto Politécnico de Viseu (IPV) e a Escola Agrária, a União de freguesias da cidade e a Direção Regional da Agricultura e Pescas do Centro.