FAO.org

Home > FAO in Portugal > Notícias > Detail
FAO in Portugal

Sistemas alimentares e agricultura tropical são pontos críticos dos ODS

25/09/2019

A transformação dos sistemas de alimentação e nutrição é essencial para atingir a Agenda 2030, disse hoje o Diretor-Geral da FAO, Qu Dongyu, no Diálogo de Líderes sobre os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), durante a 74ª Assembleia Geral das Nações Unidas, em Nova Iorque.

Uma das áreas de ação mais urgentes para não deixar ninguém para trás é procurar erradicar a pobreza e investir em cadeias de valor nas regiões mais pobres do mundo, onde vivem grande parte dos agricultores familiares mais vulneráveis ​​do mundo, afirmou o Diretor-Geral da FAO. Qu Dongyu também destacou a urgência de enfrentar os desafios especiais da agricultura tropical, observando que 113 dos estados membros da FAO estão nos trópicos.

O Relatório Global de Desenvolvimento Sustentável divulgado no início deste mês, identificou os sistemas alimentares e os padrões de nutrição como um dos seis “pontos de entrada” para alcançar a transformação estrutural na escala e velocidade necessárias.

“Precisamos de aumentar a qualidade, a quantidade e a diversidade dos alimentos”, proferiu o Diretor-Geral, enfatizando a importância das culturas além de produtos básicos, como arroz, trigo, milho e soja.

Os sistemas alimentares têm inúmeras possibilidades de transformação além da fase de produção, e existem importantes oportunidades nos setores de processamento e marketing para melhorar a renda e a inclusão de mulheres e jovens rurais. A colaboração com atores do setor privado para mobilizar investimentos, tecnologia digital, infra-estrutura, acesso a novos mercados e conhecimentos gerais é fundamental, assim como a colaboração com grupos da sociedade civil para estabelecer um desenvolvimento inclusivo e sustentável.

O Diretor-Geral enfatizou a Iniciativa “Mão em Mão” (Hand-in-Hand Initiative) da FAO, que busca maximizar os impactos nos países que mais precisam de ajuda para alcançar os ODS 1 e 2 - erradicar a pobreza extrema e a fome, respectivamente, combinando-os com os países desenvolvidos sob a égide da perícia da FAO em alimentação e agricultura.

O Diálogo dos Líderes de hoje faz parte do Fórum Político de Alto Nível sobre o Desenvolvimento Sustentável para Chefes de Estado e de governo e principais partes interessadas para analisar o progresso em direção aos ODS.